As etapas do buquê mais famoso de Eds Mattos:

o cascata grande tailandês.

     Com uma tradição de mais de 10 anos no mercado de flores de Natal, Eds Mattos se especializou na montagem e produção de buquês de noiva de alto padrão com orquídeas de sua produção. No Estado do Rio Grande do Norte, poucos floristas utilizam as flores do orquidário em decorrência do alto grau de especialização técnica e manuseio de flores que os buquês de noiva produzidos com orquídeas exigem. Muitos floristas não tem tempo de executar todas as etapas de forma correta quando o assunto são orquídeas de hastes curtas, como é o caso das flores de orquídea do gênero Cattleya e afins. Muitos utilizam apenas as orquídeas do gênero PHALAENOPSIS ou CYMBIDIUM (trazidos do Sudeste do Brasil pelas principais distribuidoras de flores de Natal) pois as mesmas conferem facilidades na montagem dos ramalhetes pois já vem com a haste mais alongada. No ORQUIDÁRIO EDS MATTOS todos os buquês de produção e execução de Eds Mattos são construídos sobre armações de tela de arame e as flores são “amarradas” na estrutura de tela para impedir os deslocamentos e a queda das mesmas durante o cerimonial. Além disso, Eds Mattos utiliza técnicas de tratamento das flores para manter o buquê perfeito por até 72h. O aumento da durabilidade das flores nos buquês de Eds Mattos ocorre de maneira significativa uma vez que as flores são colhidas minutos antes de serem tratadas e colocadas no buquê. Abaixo acompanhe o passo-a-passo da montagem de um buquê tailandês com flores de orquídeas do gênero Vanda e afins. Este buquê é umas das especialidades de Eds Mattos e demora mais 4h para ser concluído, uma verdadeira jóia rara para muitos floristas:

I – As 8h da manhã, depois da rega, as flores são devidamente colhidas para aproveitar o frescor da manhã.

II – As 8h e 30min as flores cortadas estão imersas em água já na bancada para serem manuseadas e tratadas para evitar a desidratação devido o corte.

III – As 9h e 45min começam os trabalhos de montagem da estrutura de arame que vai sustentar o formato do arranjo.

IV – As 10h e 15min a estrutura de arame já ganha forma.

V – As 10h e 45min a estrutura de arame é envolta em tela para a amarração das flores.

VI – As 11h e 30min a estrutura de arame está completamente escondida por traz do emaranhado de “Bambu-de-metro” ou “Milindre”.

VII – As 14h a estrutura já se encontra finalizada esperando o acabamento da pegada do buquê com fitas de cetim branco e pequenas flores de cristais.

VIII – As 17h a composição entra na cerimônia religiosa com a noiva.

XI - Outros exemplos de Cascata tailandes produzidos por Eds Mattos.